Ciclo de debates – AFRICAN-EUROPEAN NARRATIVES – Interculturalidade, língua comum e política da língua

O ICNOVA promove, no dia 13 de maio (segunda-feira), a partir das 18h30, no Auditório 1 (torre B) da NOVA FCSH, mais um debate Narrativas Afro-Europeias, desta vez sobre ”Interculturalidade, língua comum e política da língua” – Há uma política da língua para os novos desafios da cidadania?.
A sessão contará com a presença dos seguintes convidados: António Branco (Professor do Dep. de Informática, FC-UL), José António Pinto Ribeiro (Ministro da Cultura, no XVII Governo Constitucional), João Costa (Secretário de Estado da Educação, Professor da NOVA FCSH, investigador no CLUNL) e Teresa Lino (Professora da NOVA FCSH, Investigadora no CLUNL).
A moderação estará a cargo de Carla Baptista (Jornalista, Professora da NOVA FCSH, investigadora no ICNOVA).

INTERCULTURALIDADE, LÍNGUA COMUM E POLÍTICA DA LÍNGUA

Há uma política da língua para os novos desafios da cidadania?

 Conversa

António Branco(Professor do Dep. de Informática, FC-UL)

José António Pinto Ribeiro
(Ministro da Cultura, no XVII Governo Constitucional)

João Costa
(Secretário de Estado da Educação, Professor da NOVA FCSH, investigador no CLUNL)

Teresa Lino
(Professora da NOVA FCSH, Investigadora no CLUNL)

 

Moderação

Carla Baptista
(Jornalista, Professora da NOVA FCSH, investigadora no ICNOVA)

A Língua portuguesa é, tal como outras línguas europeias, uma língua falada em várias nações, nomeadamente do continente africano e, nessa medida, um dos elementos fundamentais do diálogo entre diferentes povos e culturas. A política da língua é, por isso, fundamental no relacionamento internacional dos países europeus, nomeadamente pela sua condição pós-colonial, sendo também cada vez mais importante para responder aos desafios da diversidade cultural e do multilinguismo no seu próprio espaço nacional, em virtude das novas migrações. O processo da globalização e as novas tecnologias da informação trazem ainda outras questões ao papel das línguas na construção das formas da sociabilidade e da cultura, hoje também moldadas pela linguagem digital. As línguas estão pois na confluência de transformações fundamentais das sociedades contemporâneas. Há uma política da língua para os novos desafios da cidadania: os desafios da interculturalidade, da coesão social e da comunicação digital?

Organização: NOVA FCSH (Lisboa) – ICNOVA (Instituto de comunicação)
Apoio: Associação de Estudantes (AE FCSH),
Núcleo de Estudantes Africanos e Lusófonos
(NEAL-FCSH) e Núcleo de Estudantes Africanos (NEA-FCT)

AFRICAN-EUROPEAN NARRATIVES
Um projeto da NOVA FCSH com o apoio do Programa Europa Para os Cidadãos

2020-04-07T11:47:41+00:00Maio 8th, 2019|Categories: #CAConferências, GI CM&A, ICNOVAEventos|