Renato Teixeira participou na 2ª edição do Dia de Jornalismo e Estudos Mediáticos

O investigador do ICNOVA apresentou na 2ª edição do Dia de Jornalismo e Estudos Mediáticos, que decorreu a 19 de julho na Universidade Fernando Pessoa, no Porto, uma comunicação intitulada “Ligações das Agências de Notícias portuguesas com o poder político”

Esta jornada de estudo, reflexão e debate em torno do jornalismo e dos media organizada por Jorge Pedro Sousa, Coordenador da Especialidade de Jornalismo e Estudos Mediáticos do Doutoramento em Ciências da Informação da Universidade Fernando Pessoa e investigador do ICNOVA, pretendeu ser reunir os doutores, doutorandos, pós-doutores, pós-doutorandos e docentes da especialidade de Jornalismo e Estudos Mediáticos do programa de doutoramento e pós-doutoramento em Ciências da Informação da Universidade Fernando Pessoa.

Resumo:

Nesta comunicação pretendemos mostrar algumas ligações entre as 5 agências de notícias portuguesas (Lusitânia, ANI, ANOP, NP e Lusa – sendo que atualmente a única existente em funcionamento é a Lusa) e o poder político. Falaremos das duas primeiras agências mencionadas na sua relação com a ditadura/Estado Novo, uma vez que elas foram criadas na década de 40 do século XX, tendo durado até novembro de 1974 – a Lusitânia – e setembro de 1975 – a ANI -, e das outras 3 agências na sua relação com a democracia portuguesa, uma vez que estas foram criadas no pós-25 de abril. Palavras-chave: agências; notícias; jornalismo; política. | + info

2020-04-07T16:12:25+00:00