Laboratório de Experimentação Cénica do ICNOVA promove curso de TaKeTiNa 

O LEC (Laboratório de Experimentação Cénica associado ao Mestrado em Artes Cénicas da Nova/FCSH), coordenado por Paulo Filipe Monteiro dinamizou durante dois dias o curso TaKeTiNa, um método criado nos anos 70 pelo músico austríaco Reinhard Flatischler que utiliza o ritmo como ferramenta para trabalhar o corpo, a mente e os sentidos. A formação teve lugar em maio, na Escola Superior de Medicina Chinesa em Lisboa e foi ministrado pelo formador Kula.

 


TaKeTINa

O nosso corpo é um instrumento que cria ritmo a todo o momento. Através da voz, das palavras, das palmas, do andar, do respirar, religamos-nos com a sabedoria inata do corpo.

O ritmo é o maior veículo para desenvolver a consciência. No nosso mundo globalmente interligado e tecnologicamente focado, os seres humanos muitas vezes perdem contacto com o seu próprio ritmo interno, fazendo com que muitas vezes nos sintamos deslocados e des-sincronizados. TaKeTiNa permite que nos reconectemos com os poderes curativos do ritmo e do movimento primordial.

TaKeTINa Integra ritmos arquetípicos presentes em todas as grandes tradições percussivas (cubana, africana, árabe, brasileira, japonesa, coreana, indiana)com as recentes descobertas de pesquisas em neurociência, psicomotricidade,musicoterapia, atenção plena, educação sistêmica e teoria do caos.

Numa sessão de TaKeTiNa, existem três camadas de ritmo simultâneas (voz, mãos e pés), apoiada por um berimbau e um surdo, que causam um constante equilíbrio entre caos e ordem, estabilização e desestabilização,levando os participantes a repetidamente sair e entrar no ritmo.

Os participantes desenvolvem uma profunda orientação rítmica e também qualidades diretamente benéficas para nossa saúde e qualidade de vida:redução de ansiedade, lucidez, atenção plena e relaxamento. Duas qualidades básicas em particular são importantes tanto na música como no dia a dia: flexibilidade e conexão. Ao desenvolvê-las, descobrimos que o ritmo nos guia para um espaço de paz interior, centramento e vitalidade.

Todas as programações que limitam as nossas vidas, os nossos relacionamentos e o nosso crescimento pessoal emergem no processo TaKeTINa, surgindo como um obstáculo ao ritmo em desenvolvimento. Tudo aquilo que nos impede de crescer nas nossas vidas pode ser revelado e transformado dentro da estrutura rítmica do processo TaKeTINa.

 

Formador
Fortunato Silva (Kula) + assistente para os instrumentos musicais de apoio. Kula é o único português com os 3 anos de formação necessários para poder ensinar Katekina.

2021-06-02T10:37:51+00:00